6 Sinais silenciosos de depressão

Depressão

Além da tristeza típica que costumamos associar à depressão, existem comportamentos mais sutis que podem esconder esse problema. Explicamos os mais frequentes a seguir.

Ouvimos muitos mitos sobre a depressão. Em nosso site, já tocamos no assunto inúmeras vezes. Tudo isso nos ajudou a entender que esta doença é muito séria e pode afetar qualquer pessoa. O que você pode não saber é que a depressão pode surgir em qualquer momento na vida, e devemos conhecer os sinais silenciosos que a acompanham.

Com esse conhecimento, você estará mais preparado para saber se você ou um parente próximo está começando a sentir isso. Observe esses sinais silenciosos de depressão e não hesite em pedir ajuda quando eles aparecerem na sua vida.

1. Irritabilidade, um dos principais sinais silenciosos de depressão.

É comum pensar que a depressão é necessariamente acompanhada de tristeza e lágrimas. No entanto, você deve saber que algumas pessoas sentem irritabilidade e raiva diante dela. Isso não significa que a tristeza não esteja presente. Esta é apenas outra maneira de experimentar e externalizar emoções.

Por esse motivo, você deve estar alerta para identificar essas mudanças de humor. Não fique com a ideia de que é sua culpa ou sua falta de paciência. Reserve um momento para entender o que está acontecendo com você e considere a possibilidade de que seja depressão.

2. Dificuldade para dormir.

Passar uma noite com dificuldade para dormir é normal. O estresse, as preocupações do dia a dia e as responsabilidades podem ocupar sua mente e impedi-lo de descansar. No entanto, o comum é que essa situação passe rapidamente quando você encontrar a solução para os seus problemas.

Se dormir é um problema constante sem causa médica, faça uma pausa. Muitas pessoas com depressão têm dificuldade para adormecer, enquanto outras dormem demais.

Analise seus hábitos de sono e identifique quaisquer mudanças recentes. Você tem dificuldade para dormir? Você consegue passar mais horas dormindo do que o normal? Quais pensamentos você tem antes e depois de dormir?

3. Diminuição dos níveis de energia.

Antes você ia para o trabalho, saía com os amigos e ainda tinha energia para praticar algum esporte? Agora, qualquer tarefa o deixa sem energia? Com o passar dos anos, é normal que seus níveis de energia caiam.

O que não é normal é que de repente você não tenha vontade de fazer nada. A depressão suga toda a sua energia e o deixa em um estado letárgico. As coisas que costumavam te inspirar e os sonhos que te motivavam não importam mais.

A depressão faz você sentir que muitas coisas não fazem mais sentido. Você vai parar de tentar alcançar seus objetivos e desistir muito antes de traçar outros.

4. Culpa.

Culpar-se excessivamente e sem motivo não é saudável. A depressão fará com que você se sinta culpado por tudo. Se você tem se culpado por tudo, desde o seu divórcio até os problemas dos seus filhos adultos, precisa analisar o que está acontecendo.

Algumas pessoas exibem a culpa como o primeiro sintoma de depressão. Outros apresentam culpa e tristeza, ou culpa e raiva. Antes de começar a se criticar ou acreditar que está exagerando a situação, tente identificar o que mais você sente e por quê.

5. Extroversão excessiva.

Pode não parecer, mas muitas pessoas escondem a sua depressão por trás dos seus sorrisos. Nesses casos, é mais difícil identificar esta condição. Se você é uma dessas pessoas, é importante que entenda que ninguém irá julgá-lo ou criticá-lo pelas suas emoções. Entre os comportamentos mais comuns dos depressivos que procuram parecerem extrovertidos, estão:

  • Comportamentos sexuais de risco.
  • Vício em jogo
  • Uso e abuso de drogas

Você pode pensar que esses comportamentos o ajudarão a ver um lado melhor da vida. No entanto, a melhor maneira de lidar com seus problemas é assumindo o controle deles.

6. Problemas de concentração.

Se você está tendo problemas para manter o foco, este pode ser um sinal de depressão. Pessoas com esse problema geralmente têm dificuldade de lembrar onde deixaram suas coisas ou o que tinham que fazer.

É importante que você aprenda a diferenciar entre distração causada pelas suas obrigações e distração causada pela depressão. Você está mais focado em seus problemas? Sua produtividade foi afetada mesmo que sua rotina seja a mesma?

Não tenha medo de pedir ajuda diante desses sinais silenciosos de depressão

Se você tem uma suspeita de depressão, não hesite em procurar ajuda. Este é um problema muito mais sério do que pode parecer à primeira vista. A boa notícia é que cuidar dele é muito simples: basta tomar a decisão e buscar o auxílio de uma terapia.

 

Saiba um pouco mais a respeito de terapias breves e suas maravilhosas ferramentas: https://sandrabaruchi.com.br/tecnicas-hipnoterapia/

Fonte: https://amenteemaravilhosa.com.br/sinais-silenciosos-de-depressao/

Gostou do conteúdo? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Sobre a Autora

Sandra Baruchi

Sandra Baruchi

Mestre em Administração, Comunicação e Ensino, Pós-graduada em Marketing e Bacharel em Administração de Empresas. Professora Universitária em cursos de Graduação e Pós-Graduação em grandes universidades desde 2004. Practitioner em Programação Neurolinguística (PNL), Mestre em Reiki, Practitioner em Técnicas de Libertação Emocional (EFT) ramo da psicologia energética e Toque Quântico “Quantum Touch”, Ariculoterapeuta, Magnetista, Mestre de Florais Etéricos Xamânicos, Terapeuta e Hipnóloga (hipnose verbal e não verbal) desde 2009.

Siga-me!

Posts Relacionados

Deixe seu comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Recentes

Comentários
error: Este conteúdo esta protegido por direitos autorais.
Open chat
Olá, como posso te ajudar?